top of page

União Maçônica Única: Lojas Irmãs do GOL e da GLSE Refletem Mudanças na Maçonaria em Portugal

Um Caminho Maçônico: Lojas Mistas no Grande Oriente Lusitano e na Grande Loja Simbólica Espanhola.


No dia 6 de abril de 2019, ocorreu um evento que marcou um momento significativo na história da Maçonaria em Portugal e Espanha.


As Lojas irmãs do Grande Oriente Lusitano (GOL) e da Grande Loja Simbólica Espanhola (GLSE) reuniram-se, simbolizando uma união da Maçonaria Mista.


É importante destacar que o Grande Oriente Lusitano se diferencia de muitas correntes tradicionais da Maçonaria.


Ele é considerado uma maçonaria mista, envergonhada, o que significa que homens e mulheres trabalham juntos nas suas atividades ritualísticas. No entanto, a abordagem destas duas Grandes Lojas divergem das práticas regulares estabelecidas, quer pela prática da Maçonaria Insular (UGLE), quer por parte da Maçonaria Regular e Tradicional (GLdF | SCdF).


Uma característica notável é a ausência das três Grandes Luzes da Maçonaria nos rituais do GOL. Isso inclui a Bíblia, que é tradicionalmente uma presença central nos rituais maçônicos.


No GOL, a Bíblia foi retirada dos seus trabalhos, o que pode ser visto como uma mudança significativa em relação às práticas maçônicas convencionais e a Bíblia foi substituída pela Constituição do Grande Oriente Lusitano.


Esse enfoque coloca o GOL fora do escopo das formas regulares de prática maçônica, sendo considerado irregular, com ligações ao CLIPSAS e está distante de muitas organizações maçônicas tradicionais.


Unidade na Diversidade: Logias Hermanas Demonstram a Evolução da Maçonaria Ibérica.


A reunião das Lojas Irmãs, reflete a natureza em constante evolução da Maçonaria. Ela se adapta às mudanças culturais e filosóficas, acolhendo diferentes perspectivas e crenças.


A união entre o Grande Oriente Lusitano e a Grande Loja Simbólica Espanhola serve como um exemplo do desejo de explorar novos caminhos dentro do contexto maçônico, independentemente das tradições estabelecidas.


A fotografia é uma prova inequívoca de que o Grande Oriente Lusitano tem usos e práticas associadas à Maçonaria Mista.



Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page