top of page

A Jornada de Pedro na Maçonaria: Descobrindo a Irmandade e os Valores Elevados da Augusta Ordem

A história da Maçonaria.


O fascínio de Pedro pela Maçonaria.


Havia uma vez um jovem chamado Pedro que sempre se sentiu intrigado pela Maçonaria.


O Pedro cresceu ouvindo as histórias sobre a sociedade discreta e ficava fascinado com a ideia de que os membros se reunissem em salões discretos para discutir assuntos sobre o simbolismo maçónico.

Depois de muita pesquisa, o Pedro decidiu que se queria juntar à Maçonaria e começou a procurar informações oficiais.


O Pedro descobriu no #MyFraternity que a Maçonaria era uma sociedade discreta e que só os membros poderiam convidar novos candidatos para se juntarem à Augusta Ordem.


A descoberta de Pedro sobre a Maçonaria.

Um dia, o Pedro teve a sorte de conhecer um homem chamado João e que era maçon. Pedro estava animado e perguntou ao João se ele poderia ser membro da Maçonaria.


João explicou ao Pedro que a Maçonaria não era apenas uma sociedade discreta, mas também uma irmandade que procurava promover a moralidade e a virtude.

O Pedro estava interessado em aprender mais sobre a Maçonaria e João ofereceu-se para o levar a uma reunião com mais dois outros membros da Maçonaria.


Nessa reunião, o Pedro conheceu outros membros da Maçonaria e aprendeu sobre os seus valores e objetivos.


Os valores da Maçonaria.

Com o tempo, Pedro tornou-se um membro ativo da Maçonaria e trabalhou muito para seguir os valores da Arte Real. Descobriu que a Maçonaria era muito mais do que uma sociedade discreta - era uma comunidade de homens que compartilhavam uma visão para um mundo melhor.

Descobriu que a Maçonaria valorizava a liberdade, a igualdade e a fraternidade e que trabalhavam para promoverem esses valores na sociedade.


O Pedro também aprendeu que a Maçonaria era uma irmandade que ajudava os seus membros a crescerem como homens e cidadãos responsáveis.

Assim, Pedro passou muitos anos como um membro ativo da Maçonaria e tornou-se um líder respeitado na Augusta Ordem. Ele aprendeu que a Maçonaria não era apenas uma sociedade discreta, mas também uma irmandade dedicada à melhoria da humanidade.


E assim, a história da Maçonaria continuou, com suas reuniões discretas e valores elevados, mas também com uma missão muito real e nobre para ajudar a criar um mundo melhor para todos.


A conclusão da história e os valores a serem inspirados. Este conto foi feito por duas crianças e concluíram:

A importância da curiosidade; A importância da irmandade; A importância dos valores elevados; A importância da autoaperfeiçoamento.


Estes valores podem inspirar-nos a procurar uma vida mais significativa e gratificante, além de ajudarem a criar uma sociedade mais justa e igualitária para todos.


Imagem dos pés de um jovem entre um esquadro e um compasso com o símbolo da Maçonaria no fundo do chão, representando a curiosidade e busca por conhecimento e irmandade na Augusta Ordem.
Descubra a irmandade e os valores elevados da Maçonaria com a história do Pedro

Posts Relacionados

Ver tudo
bottom of page