top of page

A CAUSA REAL DO ACTUAL ATAQUE À MAÇONARIA

Maçonaria - A CAUSA REAL DO ACTUAL ATAQUE À MAÇONARIA

Tenho mais de quinze anos de exercício maçónico. No decurso desses quinze anos houve várias tentativas de ataque à Maçonaria. Que me lembre , nunca esses ataques foram desferidos num tempo em que o Poder fosse exercido pela Direita política. Tais ataques - e isto NÃO É UMA COINCIDÊNCIA - só surgiram quando o Partido Socialista exerceu o Poder.

Compreende-se ! Tanto quanto me apercebo, a Maçonaria é maioritariamente constituída por republicanos e por defensores das soluções políticas que fazem gravitar o seu eixo ideológico em torno de um ideário de explícita Democracia Social, em todas as suas vertentes. São pouco expressivos numericamente os maçons que podem ser identificados como agentes de uma Direita política irrestrita. Ora, isto responde à questão do tempo e do modo. A Direita ataca a Maçonaria porque quer atacar tudo o que, em seu entender, se mobiliza na defesa da actual solução governativa, interpretada por António Costa. Este é, pois , o tempo certo para atacar a Maçonaria.

Quanto ao modo, vai aproximadamente pelo mesmo caminho. Vem mesmo a calhar a redacção de uma lei que sirva de ferrete aos mais decididos defensores da Democracia económica , social e ética. Esta lei vinha mesmo a calhar. Estabelecia a discriminação entre os maléficos servidores do Demo e os impolutos paladinos do Bem Público. Claro que a lei não poderia colocar este opróbrio, vagamente anti-semita, no "judeísmo maçónico" sem que o mesmo fosse feito à Opus Dei - que ficará parificada a uma espécie de Ku Klux Klan de má entranha, mas agora ao serviço de um projecto de domínio teocrático.

De tudo isto emergiria Rio como o grande campeão da política "descomprometida" . É a natural sequência do seu empenho contra o mundo do futebol ! Rio é uma espécie de político que se julga bem comportado, inodoro , incolor e insípido relativamente a tudo o que possa ser militantemente passional. Rio concordaria com a Lei Seca se vivesse no tempo de Al Capone, só para dizer que é abstémio. Rio é a versão mansa do portuense sem Futebol Clube do Porto e do putanheiro sem puta declarada. Rio é uma espécie de contra-menino- Reboredo, por se supor demasiadamente Harry Potter. Claro que quando o Poder se escancara, Rio toma calores, ganha tesão e mete-se com a tal puta que diz repudiar : foi o que aconteceu nos Açores, quando meteu na cama dele o Chega ! E então o Harry Potter converte-se na reciclagem infantil do ladrão de ninhos ...

Dir-me-ão que serão outras as motivações do gajo do Pan. Mas com esse nem vou perder tempo . É apenas um idiota.

Autor: A.M.M.


0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo
bottom of page