Encontros religiosos e em memória do maçon Omar Bongo

Omar Bongo foi um maçon no Gana. Após a sua partida para Oriente Eterno são realizadas várias cerimónias religiosas, de culto muçulmano e católico.


O antigo homem forte do Gabão não escondia a sua relação com a Maçonaria. Evitava no seu País demonstrar esta sua pertença, mas era bem conhecido no meio maçónico e sem incompatibilidades religiosas. Valores maçónicos que devem efectivamente ser preservados no Gabão.


Como Presidente do Gabão chegou a receber a delegação da A.I.M.E., Aliança Internacional Maçónica Escocesa. Tendo estado presente o Past Soberano Grande Comendador do Supremo Conselho de Portugal, Muito Ilustre Irmão Ricardo Paninho Pereira, 33º. (www.scdp.net)