Buscar

Judaísmo: - Nutrindo as nossas almas

Nutrindo as nossas almas


O livro Hovot Halevavot (Deveres do Coração) relata a seguinte história:


Um homem viajou a uma terra distante em busca de seu sustento. Ao chegar àquele lugar primitivo, encontrou uma pessoa idolatrando as estrelas. Vendo o olhar de reprovação daquele senhor, o homem lhe perguntou: "E você, o que adora?". "Sirvo o Todo-Poderoso, Criador do céu e da terra, o Eterno Mestre do universo que sustenta todas as Suas criações", respondeu o homem. Retrucou o outro: "Suas ações contradizem suas palavras. Se suas convicções fossem verdadeiras, seu D'us o sustentaria em sua cidade e você não precisaria ter viajado até aqui".

O yehudi reconheceu a verdadeira lógica. Uma vez que era um homem de grande fé, retornou ao seu local de origem, continuou a viver modestamente, e nunca mais deixou a cidade para buscar seu sustento.

A espiritualidade é como o voo de um pássaro. Enquanto bate as asas, ele sobe aos céus, mas quando não faz nenhum esforço, ele desce.

Confiar no Criador é o fator chave que leva ao sucesso espiritual, e é infinitamente mais importante que a inteligência, esforços, riqueza ou status! Quanto mais fortalecermos nossa confiança em D’us, mais nos aproximamos Dele e mais alegria vivenciaremos, colhendo frutos de sucesso e boas notícias!


Shabat Shalom a Todos!


Baseado no livro Hovot HaLevavot, capítulo Shaar Habitahon, de autoria do Rabeinu Bahie (Espanha, 1263-1340)

Fonte: Blog e-mussar



#Judaísmo #Judeu