Buscar

Será possível uma linguagem do amor e de liberdade individual de consciência?


[...] quando afirma [refere-se à Maçonaria] que “admite todas as crenças”, deve-se entender com essa ressalva, pois quem acredita em dogmas não pode pertencer a uma entidade que “não aceita dogmas”, a não ser que seja um ignorante, ou um hipócrita, como é óbvio. Acontece que a religião católica é essencialmente dogmática: um fiel que negue, consciente e voluntariamente, um só dos seus dogmas, não só é formalmente herege como incorre automaticamente na pena de excomunhão, ou seja, autoexclui-se da Igreja. Citações do Padre Gonçalo Portocarrero de Almada.

Esta citação foi extraída de uma publicação do "Observador" e com o título "Um católico pode ser maçon?".

#freemasonry