Catalunha: - Os nossos pensamentos estão com todos aqueles que estão presos por defenderem a liberda

Concidadãos,



O MY FRATERNITY não se envolve nos problemas políticos e religiosos, mas vive e convive com a interdependência societária.


Um dos nossos principais princípios é a aceitação dos povos, das nações, das culturas, tal como elas são, nos seus direitos e deveres, sempre pacíficos.


Constatamos que o POVO DA CATALUNHA solicita que se reconheçam os seus direitos históricos, aguardando o retorno dos direitos fundamentais, com pluralidade de pensamento e das suas legitimas aspirações como um povo catalão.


Lamentamos profundamente a violência que já foi exercida, o condicionamento das liberdades, a prisão e outras tantas ocorrências que já julgávamos ultrapassadas na Espanha do século XXI.


Não é aceitável que não permitam o normal funcionamento democrático das instituições, nomeadamente, do seu Parlamento e do seu Governo.


Não é aceitável que pais, filhos, mulheres e homens chorem por verem os seus familiares presos, por desejarem representar a liberdade individual de consciência do seu povo e dos seus pensamentos.


Não é aceitável que se prendam pessoas num cárcere e se ameacem com 30 anos de prisão, por terem sido eleitos democraticamente e com um programa que foi conhecido atempadamente.


Solicitamos aos filhos da Catalunha que perdoem e ultrapassem estes trágicos acontecimentos. Mas também solicitamos a imediata libertação de todos os presos e homens de paz, para que possam regressar aos seus lares e aos seus trabalhos democráticos.


A EQUIPA,